Serviço de Psicologia e Orientação

Orgânica e Funcionamento

Os Serviços de Psicologia e Orientação (SPO) são serviços especializados de apoio educativo, integrados na rede escolar dos estabelecimentos de educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário, que articulam com as estruturas de orientação educativa das escolas e com outros serviços locais para promover condições que assegurem a integração escolar e social dos alunos e facilitem a sua transição para a vida activa.
A actividade dos SPO é enquadrada pelo Decreto-lei n.º 190/91 de 17 de Maio e o Decreto-lei n.º 300/97 de 31 de outubro.

Autonomia Técnico-Científica

Os profissionais que integram os serviços dispõem de autonomia técnica e científica. O coordenador depende do órgão de gestão e administração da escola, sem prejuízo da sua autonomia técnica e do respeito pela sua deontologia profissional.

Ética e Deontologia

Os profissionais dos Serviços de Psicologia e Orientação respeitam, na sua prática, as normas éticas e deontológicas do exercício profissional da psicologia adoptado pelas associações cientifíco-profissionais portuguesas e internacionais, nomeadamente, a salvaguarda da privacidade dos alunos e das suas famílias, da sua cultura, dos seus interesses e o respeito pelas suas decisões.

Coordenação Técnico-Normativa

Da responsabilidade dos serviços centrais do Ministério da Educação.

Coordenação Técnico-Logística

Da responsabilidade das Direcções Regionais de Educação.

Atribuições

Os Serviços de Psicologia e Orientação acompanham o aluno, individualmente ou em grupo, ao longo da escolaridade básica e secundária e apoiam o desenvolvimento do sistema de relações interpessoais no interior da escola e entre esta e a comunidade.
O apoio psicopedagógico a alunos e professores, a orientação escolar e profissional e o apoio ao desenvolvimento do sistema de relações na comunidade escolar são os três domínios específicos da sua intervenção.
Dada a sua natureza, os SPO têm uma intervenção prioritária no que concerne à caracterização, desenvolvimento de estratégias e acompanhamento de alunos com necessidades educativas especiais, sejam de caráter temporário, sejam prolongadas ou permanente.

O SPO no Agrupamento de Escolas de Búzio

Este serviço tem regimento próprio e tem como área de influência o Agrupamento de Escolas de Búzio – Vale de Cambra. O SPO é coordenado pela Psicóloga Marta Fernandes, sendo o local de atendimento habitual o gabinete destinado ao efeito.
O SPO está disponível, dentro da sua capacidade de resposta, a toda a comunidade escolar.

O horário de funcionamento do serviço está afixado em vários locais da escola: gabinete do SPO, Sala de professores, PBX e Associação de Estudantes.
O acesso ao SPO é livre por parte dos alunos, podendo também, se o desejarem, fazê-lo através de um contacto prévio com o(a) Diretor(a) de Turma. Podem igualmente aceder diretamente aos Serviços de Psicologia e Orientação pais e encarregados de educação, directores de turma, professores e pessoal não docente.

Anexos:
Fazer download deste ficheiro (19910517-DecLeiN190.pdf)Decreto-lei n.º 190/91 de 17 de Maio35 Kb21/11/2011 15:55